O Poder do Machado de Xangô

Fabriccio

Eu sei que algum dia eu hei de ir lá
Na terra onde o axé que há em mim brotou
Caminho inverso do ancestral
Sobre o azul do Atlântico

África, meu coração te escuta em Yorubá
Zambi dei-me chão
E forças pra um dia eu lá chegar
África, meu coração te escuta em Yorubá
Zambi, dei-me chão
E fé pra eu ter em mim
O poder do machado de Xangô

Eu sei que algum dia eu hei de ir lá
Na terra onde o axé que há em mim brotou
Caminho inverso do ancestral
Sobre o azul do Atlântico
África, meu coração te escuta em Yorubá
Zambi dei-me chão

E forças pra um dia eu lá chegar
África, meu coração te escuta em Yorubá
Zambi, dei-me chão
E fé pra eu ter em mim
O poder do machado de Xangô
Página 1 / 1

Letras y titulo
Acordes y artista

restablecer los ajustes
OK