Pagode Em Brasília

João Neto e Frederico

Composição: Daniel Alves Araujo
Tom: G
(intro) G   D    G    D  G   D  G

E|--0-11---0-2---0-5---0-4-----0-7---0-2---0-5---0-4---|
B|-0--12--0--4--0--7--0--5----0--9--0--4--0--7--0--5---|
G|-----------------------------------------------------|
D|-----------------------------------------------------|
A|-----------------------------------------------------|
E|-----------------------------------------------------|

E|--0-7---0-9----0-11---0-12---------------------------|
B|-0--9--0--10--0--12--0--9----------------------------|
G|-----------------------------------------------------|
D|-----------------------------------------------------|
A|-----------------------------------------------------|
E|-----------------------------------------------------|

G
Tem mulher que namora quem tem burro
       D7
Empacador, quem tem a roça no mato me chama
             G                       G7
Que jeito eu dou, eu tiro a roça do mato sua
           C    D7
Lavoura melhora e o burro empacador eu corto
         G                      D7
Ele na espora e a mulher namoradeira eu passo
               G
Couro e mando embora

G                                          D7
Tem prisioneiro inocente no fundo de uma prisão

Tem muita sogra encrenqueira e tem violeiro
     G                         G7
Embrulhão, pros prisineiro inocente eu arranjo
    C      D7
Advogado e a sogra encrenquera eu dou de
       G                    D7
Laço dobrado e os violeiro embrulhão com
                     G
Meus versos estão quebrados

G                                       D7
Bahia deu rui barbosa rio grande deu getúlio em
                                          G
Minas deu juscelino de são paulo eu me orgulho
                 G7
Baiano não nasce burro gaucho é o rei das
    C         D7
Cochilhas paulista ninguem contesta e o
G                                         D7
Brasileiro que brilha quero ver cabra de peito
                    G
Pra fazer outra brasília

G                                     D7
No estado de goiás meu pagode ta mandando o
                                        G
Basar do valdomiro em brasilia e o soberano no
              G7                      C
Repique da viola balanceia o chao goiano vou
D7                                     G
Fazer a retirada e despedir dos paulistanos
                      D7
Adeus que eu já vou embora que goias ta me
     G
Chamando
Página 1 / 1

Letras y titulo
Acordes y artista

restablecer los ajustes
OK