Cifra Club

Berro do Potro Mau

Ênio Medeiros

Ainda não temos a cifra desta música.

Parceiro, ainda me caso
C'o berro do potro mau
Vou me juntar com a potrada
Pra morar no banhadal

Pra quem vive deste ofício
Domando no corredor
Bufo de potro maleva
É declaração de amor

Pra quem vive deste ofício
Domando no corredor
Bufo de potro maleva
É declaração de amor

Vou levar junto comigo
Um cusco de companheiro
Que é pra morder no focinho
De algum maula caborteiro

Esporear só nas paletas
Foi o que aprendi na escola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola

Tô fazendo corda forte
São feia mas resistente
Fiz até umas boleadeiras
Pra mim lidar com a minha gente

Comprei um burro de carga
Vou sair pelo rincão
Procurar potro veiaco
Pra me entreter no verão
Procurar potro veiaco
Pra me entreter no verão

Vou levar junto comigo
Um cusco de companheiro
Que é pra morder no focinho
De algum maula caborteiro

Esporear só nas paletas
Foi o que aprendi na escola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola

Sou gaúcho domador
Faço verso e corda feia
China bonita me atrai
E bagual que corcoveia

Gosto de toque de gaita
E penca de potro novo
E uma escramuça de mango
Pra chamar a atenção do povo
E uma escramuça de mango
Pra chamar a atenção do povo

Vou levar junto comigo
Um cusco de companheiro
Que é pra morder no focinho
De algum maula caborteiro

Esporear só nas paletas
Foi o que aprendi na escola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola
Que dê um coice, um manotaço
Caia sentado na cola

Composição de Enio Medeiros/Rogerio Villagran
Colaboración y revision:
  • Música Gaúcha

0 comentarios

Ver todos os comentários
00:00 / 00:00
outros vídeos desta música
repetir qualidade Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK