Cifra Club

Ganso de Tapera

Os Buenachos

Aún no tenemos el cifrado de esta canción.

Aqui no braço da viola que nasceu
Cançao que conta tudo quanto ja passei
Pois nesta que o patrao do ceu me deu
Ja fiz de tudo que e permitido por lei
Quando moleque diz que fui parada dura
Do chao molhado sempre fiz sair poeira
Era metido que nem pilho em costura
Pretensioso como filho de parteira.

Facilidade pra ganhar dinheiro em penca
Com liberdade sem promessa ou compromisso
Por pouca coisa eu arranjava um pe de encrenca
pelo o prazer de apreciar o reboliço
Nao me recordo de ter pago diferença
Sempre gostei do taco a taco sem arrego
Quantos barbados ja fiz engolir ofença
Quanta chinoca descansou nos meus pelegos .

Quando eu chegava num fandango de galpao
La no coreto tinho um pinho reservado
Quando eu cantava era em geral confusao
So dava prenda despachando os namorados
E as comadres so falavam de respeito
com mate doce bolo frito e rapadura
Enquanto isso fofoqueavam meu conceito
Veja comadre ele canta que e uma loucura.

E foi o tempo passando sem mudar nada
Ate que um dia facilitei um segundo
E uma chinoca que atravessou minha estrada
Deu-me um pealo coisa mais linda do mundo
Perdi a queda e fui mudando de vida
Hoje nao sou nem a sombra do que era
La no meu rancho com minha prenda querida
Ando a vontade que nem ganso de tapera.

Composición de Braulo Brasil
Colaboración y revisión:
  • Buenachos Os

0 comentarios

Ver todos los comentarios
00:00 / 00:00
Outros vídeos desta música
Repetir Calidad Automático
Outros vídeos desta música
00:00 / 00:00
Automático
OK