Cifra Club

Aprenda

Amor Distante / Canarinho Prisioneiro (Pot-Pourri)

João Neto e Frederico

Tablatura: Principal (guitarra)
Tom: G
[Intro]  G  D  G  C  D  G

G                                           D
Se eu fosse um passarinho queria voar no espaço
                             C       D         G
Pra sentar de vagarinho na voltinha do seus braços
                                                      D
Queria  sentir seus carinho pra aliviar a dor que passo
                             C       D         G     D
Queria te dar um beijinho e depois um forte abraço

( G  D  G  C  D  G )

G                                           D
É um ditado muito certo quem ama nunca esquece
                             C       D         G    D
Quem tem seu amor distante chora, suspira e padece
G                                             D
Coração sofre bastante, saudade no peito cresce
                         C          D         G     D  C  D  G
Se você tem outro amor seja franca e me esclarece

 F                                         C
Sou aquele canarinho que cantou em seu terreiro
                                           Bb   F
Em frente sua janela eu cantava o dia inteiro
                                         C
Depois fui pra uma gaiola e me fizeram prisioneiro
          Bb       F          C                F
Me levaram pra cidade, me trocaram por dinheiro

( G  D  G  C  D  G )

F                                  C
No porão daquele prédio era onde eu morava
                                                    Bb   F
Me insultavam pra cantar mas de tristeza eu não cantava
                                      C
Naquele viver de preso muitas vezes imaginava
                   Bb       F          C               F
Se eu "arroubasse" essa gaiola, pro meu sertão eu voltava

( G  D  G  C  D  G )

F                            C
Um dia de tardezinha veio a filha do patrão
                                          Bb   F
Me viu naquela tristeza e comoveu seu coração
                              C
Abriu a porta da grade me tirando da prisão
          Bb       F          C               F
Vá-se embora canarinho, vá cantar no seu sertão

( G  D  G  C  D  G )

F                                          C
Hoje estou aqui de volta desde as altas madrugadas
                                           Bb   F
Anunciando o entardecer e o romper da alvorada
                                        C
Sobrevoando a floresta e alegrando a minha amada
              Bb       F               C          F
Bem feliz por ter voltado, pra minha velha morada
Colaboración y revision:
  • Juliano Parreão
22 reproducciones
    • ½ Tom
    • A
    • Bb
    • B
    • C
    • Db
    • D
    • Eb
    • E
    • F
    • F#
    • G
    • Ab
  • Adicionar à lista

    0 comentarios

    Mostrar mais comentários

    ¿Conseguiste tocar?

    0 Tocaron 0 Ainda não

    Grave um vídeo tocando Amor Distante / Canarinho Prisioneiro (Pot-Pourri) e mande pra gente!

    00:00 / 00:00
    outros vídeos desta música
    repetir qualidade Automático
    Outros vídeos desta música
    00:00 / 00:00
    Automático
    OK